Conheça a Startup que faz milhões de dólares com celulares velhos

Postado por: caiokaspary

Num post recente no nosso site, citamos que existem vários problemas a serem resolvidos, processos a serem otimizados, e essas são oportunidades para empreendedores construírem negócios afim de satisfazer demandas, solucionar esses problemas. Um celular velho é um problema para muita gente, mas uma pequena empresa surgida em um evento do StartupWeekend dá uma utilidade inusitada a esses aparelhos.

Algumas pessoas preferem vender seus celulares velhos, mas têm dificuldades para encontrar um comprador, e assim surgiram empresas como OLX e Mercado Livre para resolver tal gargalo. Outras deixam o antigo celular  dentro de meias e colocam em gavetas, acumulando poeira. Tem gente que acha que o celular está tão velho e já descartam-no, mas para onde vai esse material tecnológico? Novamente, há uma oportunidade para empresas resolverem o problema do descarte inadequado desse material, seja por reciclagem, reaproveitamento das peças, ou outras operações viáveis, afinal o despejo inadequado pode implicar problemas maiores ainda. O empreendedor que resolve tais situações gera valor para muita gente, e é remunerado por isso. Até o vendedor de Naftalina pode se beneficiar com isso, protegendo contra traças e baratas a meia que envolve o celular.

Qual outro uso teria para um antigo aparelho? A empresa AlfredCamera, nascida num StartupWeekend (SW), estimou a quantidade de celulares substituídos anualmente e enxergou uma oportunidade aí. Também perceberam que existia uma demanda por vigilância interna de mães preocupadas com seus filhos, filhos preocupados com a saúde de pais ou avós debilitados, ou até mesmo jovens curiosos com seus pets. A Alfred mostra para pais que seus filhos já dormiram e transmite para jovens como seus cachorros pularam a cerca a partir de um sistema simples – com uso de um celular antigo, os clientes podem acompanhar em tempo real aquilo que mais amam, sentindo-se relaxados quando verem que seus filhos estão dormindo, ou inquietos quando os pets estiverem mastigando o novo sofá. Se o usuário tiver vários celulares, ele terá um sistema de vigilância interno em vários ambientes, podendo dar zoom, gravar a tela, ou até disparar uma sirene contra intrusos. Incrível, não? O mais legal de tudo é que a empresa foi criada no StartupWeekend, um evento que acontece em mais de 50 países, e a UFMS receberá a próxima edição SW Campo Grande, nos dias 26, 27 e 28 de julho.

Interessado em fazer como os fundadores da Alfred e participar de um StartupWeekend? Clique aqui 😉
Não sabe o que é um SW? Dá uma olhadinha clicando aqui!!